A mamãe quando ama menta precisa estar bem informada sobre tudo o que se passa nesse período, que é fundamental para o desenvolvimento do bebê. A retirada do leite das mamas, por exemplo, é comum durante o período de amamentação. Por isso é bom entender quando e porque isso acontece. Vamos lá:

Quando as mamas ficam muito cheias –
Mamas muito cheias dificultam a amamentação impedindo o bebê de mamar a quantidade de leite que precisa. Além disso, o bico do peito pode rachar e a mamada se tornar dolorosa. Por isso, é necessário retirar um pouco de leite das mamas.


Quando mãe e bebê não podem ficar juntos - Por motivo de doença ou outra necessidade de afastamento. A mãe deve fazer a retirada do leite para a criança.

Quando o bebê tem dificuldades de sugar – Bebês prematuros, com problemas na boca ou dificuldade na respiração geralmente precisam de adaptação para mamar no peito. Nesses casos, o leite da mãe deve ser retirado para que os bebês possam mamar de outra forma. Quando a mãe quer doar seu leite – Quando a mãe produz mais leite do que o seu bebê precisa, uma boa alternativa é doar. Este é um gesto de amor e solidariedade com muitas crianças que não contam com o leite materno. Para doar, a mamãe deve fazer a retirada do leite e estocá-lo corretamente, antes de entregar para o banco de leite.

Quando a mãe quer guardar leite para o filho – Quando a mãe precisa ficar ausente do seu bebê por algumas horas, a melhor alternativa é deixar o leite armazenado. Após ser retirado, o leite deve ser guardado em um recipiente limpo, fervido por 15 minutos. O leite pode ficar guardado na geladeira por até 24 horas, ou no congelador por até 30 dias. Fora da geladeira, ele deve ser mantido em lugar fresco por até 6 horas após a coleta. Mas atenção! Depois desse prazo, o leite pode causar diarréia. Antes de utilizado, o leite deve ser aquecido em banho-maria e oferecido ao bebê em uma colher, copo ou xícara. O que sobrar deve ser jogado fora.

Exibições: 1217

Tags: amamentacao, bebe, criança, infantil, leite, mamae, materno, mobilizacaosocial, mobilização, mortalidade, Mais...saude, social

Comentar

Você precisa ser um membro de RMS - Rede de Mobilização Social para adicionar comentários!

Entrar em RMS - Rede de Mobilização Social

Comentário de Sayonara de França em 23 agosto 2010 às 9:12
Se todas as mães seguissem a forma correta de amamentar os bebês teriam um desenvolvimento muito mais saudável, só que devido a pouco esclarecimento, informação ou até mesmo ignorância as mamães acham que não é necessário amamentar seu filho até os dois anos de idade ou mais, pensam que é exagero, mas na verdade é falta de amor e carinho para com seu seu próprio filho.
Comentário de Luana Guimarães em 16 agosto 2010 às 8:31
Muito bacana este post, amamentar é um gesto de amor e carinho!
Meu bebê ainda mama no peito e a sensação é inexplicável, pena que infelizmente, muitas mães ainda não têm esta consiência e insistem em não amamentar seus filhos!!!!!
Sem dúvida, é o momomento de maior cumplicidade entre a mãe e bebê...

Membros

Parceiros

© 2014   Criado por Rede de Mobilização Social.

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço